segunda-feira, 8 de junho de 2009

Quanto tempo ainda resta?

Quanto tempo mais esse amor vai durar no meu coração? Me impedindo de viver em paz... me proibindo de encontrar a felicidade. Só eu sei como dói, e como é grande essa vontade de arrancar do peito toda e qualquer lembrança tua. Mas eu não vejo solução. E talvez se você estivesse sempre aqui, eu poderia perceber que não vai dar certo. Ou será que eu me apaixonaria um pouco mais a cada dia? A distância devia ser a oportunidade de esquecer, de afastar de mim esse sentimento. Mas eu não consigo deixar de te querer ao meu lado, nem desistir de pensar que tinha que dar certo. E quando me lembro desse amor, todo o resto se torna insignificante, pequeno e sem importância. Mesmo que esses quilômetros nos separem, meu maior desejo continua sendo tua companhia. E meu único conforto agora seria te confessar que nem esse tempo todo me fez te esquecer, e pra mim, nada se compara com aqueles dias que passamos juntos. Mesmo que eu tenha demorado demais até perceber, agora sei que você SEMPRE foi o meu verdadeiro amor. s2

5 comentários:

Luan Fernando disse...

Bonitas palavras, o amor realmente é algo sem explicação. E podemos até dizer, que existe tantas maneiras de se amar algo, que cada pessoa reage de um jeito.

Tay disse...

Oi garota!

Adoro teus textos!! =D

A distância realmente não nos faz esquecer um grande amor, muitas vezes só nos ajuda mais a recordá-lo...

beijo

vivi disse...

Seus textos são tão lindos, você descreve tão bem as sensações... Tudo. Ó só, indiquei você pra um selo lá no blog, passa por lá e vê direitinho ;D
:*

Andréia disse...

que horror! ninguem merece isso mas tempo faz milagre =(

Maah disse...

Nossa me identifiuei demais com suas palavras.! Tenho passado por isso.! É tão complicado esses sentimentos. Cada um deveria vir com uma plaquinha indicando com quem está a sua felicidade.! Agente acaba se apaixonando e qnd percebemos nossas vidas se transformam e viram essa bagunça.!
Pois bem, seu você está de parabéns. Seu blog é ótimo.! ;)