segunda-feira, 20 de julho de 2009

Só mais um erro

Eu passei a entender exatamente porque continuo assim, e porque é tão difícil manter um sorriso em meu rosto. Estava me enganando, tentando mostrar a mim mesma essa força que pensei que havia aqui... Como se não lembrar de você por um dia fosse algum motivo pelo qual eu devesse me orgulhar. Mas não, isso é o mínimo que eu deveria fazer, e nem disso sou inteiramente capaz. Depois de algum tempo realmente analisando tudo isso em que me tornei, cheguei a final conclusão de que me falta mais do que coragem. E quando eu disse pela última vez à você todos os sentimentos que estavam em meu coração, não perdi apenas o orgulho. A ferida foi muito mais além, o estrago que causaste em mim foi ainda mais profundo. Eu perdi o amor-próprio, a coisa mais valiosa que havia me restado depois da solidão que me encontrou. E a prova disso é que me dei conta de que sequer consigo me afastar de você, sequer consigo deixar de bancar a boba, enquanto me rendo a teus pés. Perdi todo o resto de orgulho que havia e agora, se pode ser possível, eu me sinto ainda mais rebaixada, ainda mais insignificante. Eu sacrifiquei o que tinha de melhor, o que ninguém conseguiria arrancar de mim. Agora não me sinto nem digna de me olhar no espelho, porque as lágrimas não param de cair e eu fui burra de achar que tinha alguma força, que tinha que demonstrar a quem quisesse ver que resistir ia me trazer algum mérito. Mas já não mereço mais nada, e eu nunca seria capaz de te esquecer se antes de tudo eu não me amasse, em primeiro lugar. Mas eu fui tão baixa, eu arrisquei tanto, por nada... Por absolutamente nada. É o fundo do poço, e eu finalmente enxerguei que repetir para mim mesma que posso sair daqui simplesmente não me leva a lugar algum, não me faz subir outra vez. Eu preciso voltar a me colocar a frente de qualquer outra coisa, porque é a minha felicidade que vem na frente de tudo. E tenho a total certeza de que ela nunca mais vai depender de você.

2 comentários:

mente inconstante disse...

Que lindo!
Nossa, como vc escreve bem...
Todos os seus textos são lindoss!!
Cheios de sentimentos!

:O

Andréia disse...

ohhh.. snif snif...