quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Vou te ligar e te dizer que sinto falta..

Dá saudade. Dá mesmo e eu não quero negar. Quero que o mundo inteiro saiba. Que você possa saber, mesmo que seja assim, de longe. E essas músicas, essa falta, essa lembrança, esse choro é você. Essas palavras são você. Eu queria poder escrevê-las no céu para você lesse. ENTÃO QUEM ERROU? Sabe as coisinhas que ocupam esse espaço? Elas servem só para amenizar. Só para me dizer que você não está aqui, e para me ferir. Para me lembrar. E tudo isso aqui é você. Esses segundos, minha hesitação... Minha vontade, meu inconformismo. Te quero muito de volta. Quero muito. Quero tanto a ponto de não querer o resto. O resto só ocupa o lugar que é teu. Esse lugar é ao lado meu. E te quero aqui. E preciso sair correndo por qualquer caminho para tentar ocupar minha mente com outro pensamento. Preciso correr outra vez em direção ao mar... Para afastar o som, a lágrima, a razão. E tudo que perdeu o sentido. Tudo que não pode mais fazer parte de mim. E quanta saudade. E como te vejo nessas coisas banais! E como te vejo em outros rostos, em minhas respostas, em minhas buscas... Na vida que eu costumava levar. E te vejo naquilo que fazíamos juntos, nos nossos sorrisos. No que era nosso e que hoje é aleatório. No que se perdeu. Te vejo nessa necessidade. Te vejo todas as noites, antes de dormir. Procuro teu boa noite, teu bom dia, teu te amo. Mas não há mais nada. E pra quem eu vou dizer te amo? Que significado teria se não fosse para ti? Que significado eu tenho se não for contigo? Não há mais nada aqui. Não há mais nada que eu queira. EU PASSO A NOITE ACORDADO TENTANDO FUGIR, DESSA VONTADE DE TELEFONAR. DESSA VONTADE DE DIZER QUE O MEU MUNDO ESSA NOITE É VOCÊ. Nada mais a fazer.

Um comentário:

Miily ;* disse...

Sem dúvidas não existe dor pior do que não ter ao lado alguém no faz bem ;x